Os autores deste jornal virtual cumprimentam todos os que passam os olhos pelos assuntos destas páginas.
Quarta-feira, 31 de Maio de 2006
Imposto Municioal sobre Veículos

Foi hoje publicada no Diário da república a Portaria 500/2006 que determina que o imposto municipal sobre veículos devido pelo uso e fruição de veículos automóveis, motociclos, aeronaves e barcos de recreio de uso particular relativo ao ano de 2006 seja liquidado e pago durante o período de 16 de Junho a 14 de Julho. As pessoas singulares podem liquidar este imposto através da Internet.



Publicado por prof às 23:06
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Porto Vivo ou Porto morto

Com a devida vénia transcreve-se o artigo de Reinaldo Beça que saíu no JN de hoje. Não é demais que a indignação chegue sempre a mais um contra os destruidores dos legados da cidade

"Por onde passa a Sociedade Porto Vivo com a sua sanha destruidora em nome de obras de reabilitação e reclassificação citadina, o Porto morre mais um bocado até ficar morto de vez. Estas obras e mais obras que os portuenses já aturam há mais de cinco anos são responsáveis pelo abandono e despovoamento da cidade. Mataram-na, mumificaram-na, petrificaram-na, tiraram-lhe a vida fervilhante e pulsante. O que irá ficar após as intervenções e reclassificações? Um pétreo mundo cinzento, ordenado, reclassificado que nem para passear serve, que fará para habitar? Onde está a vida que a cidade já teve e que expurgaram, descaracterizando-a e apagando as memórias dos seus habitantes? Transformar um jardim florido, com uma artistica calçada portuguesa, num pétreo logradouro incaracterístico, onde reina a angústia dum cinzentismo granítico não céltico mas chinês, é uma irracionalidade inadmissível mas talvez à medida dos cérebros empedernidos dos seus autores."

Deixem-me aqui um aparte - quem assim fala é um verdadeiro portuense.Eu também me sinto ferido com essas destruições.

C/a faca afiada, antonioduvidas



Música: Porto sentido de R. Veloso

Publicado por antonioduvidas às 15:35
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Incompetentes? Os professores?

      Veja-se, então, o lindo exemplo que é dado pelo Ministério da Educação, cuja titular considera de incompetentes todos os docentes:

Saudações solidárias do Francisco.


Sinto-me: Enjoado
Música: «Não há estrelas no céu» Rui Veloso
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 00:17
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Alterações ao ECD

      Depois do debate que vi, ouvi e aqui registei, fui espreitar algumas opiniões. A visita a http://abrupto.blogspot.com/ é digna de ser feita. Não é perder tempo. A sério.

Saudações solidárias do Francisco.


Sinto-me: Zangado
Música: «Só gosto de ti» Heróis do Mar
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 00:08
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Terça-feira, 30 de Maio de 2006
Violência na escola

      Acabei de ver neste momento a reportagem que a RTP efectuou sobre a Violência na Escola. Desde já, os meus sinceros parabéns a toda a equipa da RTP por este magnífico trabalho. Do debate, sinceramente, esperava muito mais. Embora esclarecedor, foi muito politicamente correcto. Fugiu a esta tónica a única professora que, penso eu, não será prejudicada por um discurso politicamente incorrecto: a professora universitária Fátima Bonifácio. Mas, depois de tudo o que vi e ouvi, tirei, como é óbvio, as minhas conclusões. E a mais importante é a de que, se para a Ministra da Educação a culpa é dos professores, para o Secretário Adjunto do seu Ministério «o problema está na falta de organização da escola pública». E destaco algumas ideias-chave:

  • do Secretário Adjunto do ME, Jorge Pedreira :

# «A escola tem de envolver as autoridades.»

# «A escola tem de se organizar.»

# «Para a escola os pais ainda são inimigos.»

# «Esta medida (a avaliação dos professores pelos pais) vai aumentar o poder de participação dos pais na vida da escola.»

# «Acontece que muitas vezes a escola pública não se organiza em torno dos seus objectivos e da missão que lhe está destinada.»

  • da Professora Universitária Fátima Bonifácio:

# «As regras existem. Os alunos é que não as cumprem.»

# «Sem os professores poderem exercer a sua autoridade e uma autoridade que doa, não vamos a lado nenhum.»

# «Como pode o senhor secretário de estado ter tido a ideia de que os pais vão avaliar os professores?»

  • do Professor Eduardo Sá:

# «Uma autoridade não existe sem uma lei.»

  • da Professora Isabel Cluny:

# «Em 800 alunos da minha escola só 26 pais pertencem à Associação de Pais.»

# «O professor tem sempre dois grandes problemas na óptica do pai quando é abordado por este: ou tratou mal o aluno ou não consegue dominar o aluno.»

Saudações solidárias do Francisco.


Sinto-me: Mal humorado
Música: «Momento» Pedro Abrunhosa
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 22:48
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Debate Nacional Sobre a Educação

Sobre o processo em curso - Debate Nacional Sobre Educação - estas foram algumas leituras que fiz e que quero partilhar convosco.

Ministra da Educação culpa docentes pelo insucesso escolar.
Ministra culpa professores pelo insucesso escolar.
Ministra da Educação critica "cultura profissional" dos professores.
Ministra da Educação alerta para a falta de orientação sobre os resultados dos alunos.

E também quero partilhar convosco estes dois endereços.

CNE - Conselho Nacional de Educação - cneme@mail.telepac.pt
JornalismoPortoNet http://jpn.icicom.up.pt/2006/05/27/futuro_da_educacao_em_debate_nacional.html


Sinto-me: Pessimista
Música: «Problema de expressão» CLÃ
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 17:52
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Debate Nacional Sobre Educação

DEBATE NACIONAL SOBRE EDUCAÇÃO

Está a decorrer. E o que é? É melhor ir ver...

1

2

E agradeço-vos que forneçam outras fontes informativas.

Saudações interessadas do Francisco.


Sinto-me: Desconfiado
Música: «Fala-me de amor» Santos e Pecadores
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 17:00
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Segunda-feira, 29 de Maio de 2006
Efemérides do dia e da véspera

Dia Mundial da Energia

Comemora-se hoje, dia 29 de Maio, o Dia Mundial da Energia.

ABC da Energia

ENERGIA pela Wikipédia

Dia Mundial dos Meios de Comunicação Social   e

Dia Nacional do Bombeiro

Comemorou-se ontem, dia 28 de Maio, o Dia Mundial dos Meios de Comunicação Social e o Dia Nacional do Bombeiro.

Instituto da Comunicação Social

Liga dos Bombeiros Portugueses

Saudações refrescantes do Francisco.

Sinto-me: Pensativo
Música: «Um resto de tudo» João Pedro Pais
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 22:26
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Domingo, 28 de Maio de 2006
Estádio das Antas
No dia 28 de Maio de 1952 foi inaugurado no Porto o estádio das Antas.  Para portista reavivar a memória ...

Marcadores:

Publicado por prof às 22:51
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Quinta-feira, 25 de Maio de 2006
Dia Mundial das Crianças Desaparecidas

Esta efeméride, como muitas outras, não existia. E não devia nunca existir. Pura e simplesmente, não devia ter sido inventada. Se foi criada é porque, de facto, havia (e há, infelizmente) necessidade de existir. Contudo, dispensava-se bem esta efeméride. Só nos envergonha a todos.

POLÍCIA JUDICIÁRIA

PORTO XXI

Saudações tristes do Francisco.

Sinto-me: Zangado e triste
Música: «O anzol» Rádio Macau
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 14:30
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Quarta-feira, 24 de Maio de 2006
A Formação de Portugal

Actualmente, com o campeonato do mundo de futebol, os portugueses são, de novo, convidados em manterem viva a chama do portuguesismo (prefiro, nestas ocasiões, não falar em patriotismo).
A este propósito é interessante lembrar, de quando em quando, algumas datas importantes da nossa história como povo. A 23 de Maio de 1179  o Papa Alexandre III reconhece D. Afonso Henriques como Rei de Portugal através da bula “Manifestis Probatus"




Os pobres que paguem

Com a devida vénia transcrevo a crónica que Manuel António Pina publicou no JN de hoje.

Eu sei que é pedir muito, mas até na política deveria haver limites para a indignidade. O secretário de Estado do Orçamento, Emanuel dos Santos, admite tirar o subsídio de férias aos reformados para equilibrar o Orçamento de Estado. A notícia, divulgada pelo "Expresso" e pela Lusa, filia-se no modelo que, 30 anos depois do 25 de Abril, muitos, no governo e fora dele, acham que deve seguir-se para pôr em ordem as finanças públicas os pobres que paguem a crise. Os pobres são mais e têm menos influência que os ricos. E, sendo velhos, pouco poder reivindicativo possuem. Equilibrar o Orçamento à custa dos mais vulneráveis, os reformados, é, pois, principalmente, um acto de cobardia política. O secretário de Estado (um "socialista"!) não admite cortar o subsídio de férias aos gestores públicos com vencimentos milionários nem aos "boys" e "girls" sentados à mesa do "seu" Orçamento, mas aos reformados, gente que, ao fim de muitos anos de trabalho a descontar o que o Estado lhe exigiu, contariam agora que, por sua vez, o Estado cumprisse as obrigações consigo assumidas. Diz-se que o Estado não é, às vezes, uma pessoa de bem. Não, o Estado é uma pessoa de bem, alguns dos que falam e decidem em seu nome é que não são pessoas de bem.




Segunda-feira, 22 de Maio de 2006
Dia Internacional para a Diversidade Biológica

Biodiversidade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Desenho de várias aves 
Trecho da Amazônia próximo à Macapá (1990).
Acará bandeira (Pterophyllum scalare)
Biodiversidade ou diversidade biológica (grego bios, vida) é a diversidade da natureza viva. Desde 1986, o termo e conceito tem adquirido largo uso entre biólogos, ambientalistas, líderes políticos e cidadãos consciencializados no mundo todo. Este uso coincidiu com o aumento da preocupação com a extinção, observado nas últimas décadas do Século XX.

Refere-se à variedade de vida no planeta Terra, incluindo a variedade genética dentro das populações e espécies, a variedade de espécies da flora, da fauna, de fungos macroscópicos e de microrganismos, a variedade de funções ecológicas desempenhadas pelos organismos nos ecossistemas; e a variedade de comunidades, hábitats e ecossistemas formados pelos organismos.

A Biodiversidade refere-se tanto ao número (riqueza) de diferentes categorias biológicas quanto à abundância relativa (equitabilidade) dessas categorias. E inclui variabilidade ao nível local (alfa diversidade), complementariedade biológica entre hábitats (beta diversidade) e variabilidade entre paisagens (gama diversidade). Ela inclui, assim, a totalidade dos recursos vivos, ou biológicos, e dos recursos genéticos, e seus componentes.

A espécie humana depende da Biodiversidade para a sua sobrevivência.

O termo diversidade biológica foi criado por Thomas Lovejoy em 1980, ao passo que a palavra Biodiversidade foi usada pela primeira vez pelo entomologista E. O. Wilson em 1986, num relatório apresentado ao primeiro Fórum Americano sobre a diversidade biológica, organizado pelo Conselho Nacional de Pesquisas dos EUA (National Research Council, NRC). A palavra "Biodiversidade" foi sugerida a Wilson pelo pessoal do NRC a fim de substituir diversidade biológica, expressão considerada menos eficaz em termos de comunicação.

Não há uma definição consensual de Biodiversidade. Uma definição é: "medida da diversidade relativa entre organismos presentes em diferentes ecossistemas". Esta definição inclui diversidade dentro da espécie, entre espécies e diversidade comparativa entre ecossistemas.

Outra definição, mais desafiante, é "totalidade dos genes, espécies e ecossistemas de uma região". Esta definição unifica os três níveis tradicionais de diversidade entre seres vivos:

A diversidade de espécies é a mais fácil de estudar, mas há uma tendência da ciência oficial em reduzir toda a diversidade ao estudo dos genes. Isto leva ao próximo tópico.

Saudações biológicas do Francisco.


Sinto-me: Defensor do Ambiente
Música: «Por quem não esqueci» Sétima Legião
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 21:59
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Domingo, 21 de Maio de 2006
Vida de professor...

Olá a todos. Escrevo estas simples palavras para demonstrar o meu descontentamento em relação à proximidade das avaliações finais e à quase obrigatoriedade de “passar” os meninos. É cada vez mais difícil e burocrático reprovar o aluno e pelos vistos para o ano vai sê-lo ainda mais. Passá-los é muito fácil! Mas será que a nossa Ministra não sabe o que é o “efeito bola de neve” ou não sabe o que o maior dos ignorantes não refute “uma casa constrói-se pelo alicerce” não pelas portas e janelas ou telhados. Sinto-me absolutamente revoltada…Pior foi o que anunciou na semana passada em reunião com alguns representantes de Executivos, em Lisboa…vai sair brevemente em despacho…um contrato que os professores de Matemática vão assinar com o ministério. Neste contrato constará, de forma resumida, o que será dado ao professor “tudo o que o professor necessitar” e o objectivo do sucesso, em termos percentuais, que o professor obterá das turmas. No final se os números não corresponderem o professor será penalizado. É incrível mas é verdade, vai sair e os professores vão ser obrigados a assinar, já no próximo ano lectivo (apenas para a disciplina de Matemática).



Publicado por gifreitas às 21:48
link do artigo | Comentar | Ver comentários (3) | Adicionar aos favoritos
|

Dia Mundial da Diversidade Cultural

Esta efeméride, o Dia Mundial da Diversidade Cultural, pode e deve fazer-nos reflectir em muitas questões actuais e pertinentes.

ALTO COMISSARIADO PARA A IMIGRAÇÃO E MINORIAS ÉTNICAS

PORTAL DO CIDADÃO

Saudações atentas do Francisco.

Sinto-me: Feliz
Música: «Sei-te de cor» Paulo Gonzo
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 21:32
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Este blog é dos autores que já aderiram, a saber:
Pesquisar neste blog
 
Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


Artigos recentes

Passeios pelo Porto

1.º dia mundial da rádio

Quo vadis Portugal?

Guimarães, capital europe...

Pelo Jornal de Notícias

Quo vadis Portugal?

41.º encontro do curso

Finanças

Portugal, aos poucos, vai...

Cimeira

Passeio JN/FNAC de 27 de ...

Homenagem ao fado

Lançamento de livro

São Martinho

Entrega de prémios

Passeios pelo Porto

PPP = Parcerias Público P...

Estou revoltado.

Por favor, comentem.

Orgulho-me de ser paranhe...

Proclamação da República ...

Passeio JN/FNAC de 25 de ...

Quo vadis Portugal?

Passeios pelo Porto

Dia 24 de agosto

Violência em Londres

A cidade do Porto

O dia-a-dia

Efeméride

Dia da Amizade

Conhecer melhor a cidade ...

Conhecer melhor a cidade ...

Onde chegaste tu, Portuga...

Deprimente

Quem nos governou

Dia da mãe

Dia da Terra

Passeios pelo Porto

Tributo a Yuri Gagarin

Passeios pelo Porto

Rosa Albardeira - Baile P...

Passeios pelo Porto

Passeios pelo Porto

Dúvida

Dia do Pai

Homenagem

Passeios pelo Porto

Passeios pelo Porto

Desafio

A barragem do Tua

Arquivos

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Marcadores

1.º dia da rádio

24 de agosto

25 de abril

41.º encontro

5 de outubro

a "arma"

a escola já não é a mesma

A não perder

abril 2006

álcool

aliados

alimentação

almoço de 2005

aniversário

aniversários

antonio barreto

apelo

autores portugueses

avc

bibliotecas

boas vindas

bruxelas

capital cultura 2012

carnaval

cascatas

cidade

cinema

comboios

como participar no blog

comunicados

concurso fotografia

conhecer a cidade

consumidor

contrastes

conversas

crítica

Crítica

crónica de domingo

crónicas

cultura

debates

deprimente

desabafos

desafio

desafios e enigmas

desporto

destaques

dia da água

dia da amizade

dia da música

dia da poesia

dia do café

dia do consumidor

dia do não fumador

dia do pai

dia dos namorados

dia internacional da mulher

dia-a-dia

distinções

educação

Efeméride

efemérides

Efemérides

eleições

encontro 2007

encontro 2008

enganada

entrevistas

erros

espaço de pensamentos

estado de espírito

estou revoltado

europa

fado

feiras rurais

férias

Férias

finanças

fiscalidade

futebol

germano silva

guimaraes

lamentos

lembranças

lendo

livros

música

natal 2008

natal 2009

o porto a pé

passeios

porto

quo vadis portugal

quotidiano

república

são joão

são martinho

Subterrâneos

viagens

visitas guiadas

todas as tags

Ligações úteis
Participar

participe neste blog

mais comentados
Número de visitas
Site Counter
Bpath Counter
blogs SAPO
subscrever feeds