Os autores deste jornal virtual cumprimentam todos os que passam os olhos pelos assuntos destas páginas.
Quarta-feira, 30 de Abril de 2008
Onde estás, Avenida dos Aliados?

                                                           

Bela avenida do Porto!                                                                     

Onde estás? E os teus encantos,

Os relvados, onde tantos,

-Aves, pessoas, crianças-

Com deleite e com conforto,

Saltitavam, descansavam,

Ou brincavam, de alegria,                                                                                                     

Quer de noite quer de dia?

Ou em noite de folia

-A noite de S. João-

Dormiam até ser dia

Na tua relva macia,

Felizes de coração?

Onde estás, que não te vejo?

Mas sabes que o meu desejo

Era ver-te e admirar-te!

 

Ou talvez não! Para quê?

Para quê verde relvado

Para quê tão verde prado

Que enchia os olhos de cor?

Para quê tanta flor?

 

Agora pedra sem cor,

Sem perfume ou macieza!

Onde está sua beleza?

 

Se nos quisermos sentar

Ou deitar, para descansar,

Temos pedra, pedra, sim!...

E os banquinhos do jardim

São hoje cadeiras, só!

Cadeiras que metem dó!

 

  E a continuar assim

As almas dos “Aliados”

Aliadas à beleza

Da menina dos olhos de água

Virão chorar sua mágoa!

E os olhos da menina,

De humildade toldados,

Continuarão a chorar

Lá do alto, a recordar

Os verdes dos tempos idos.

 

E toda a policromia

Que esta avenida exibia

E  jamais serão esquecidos!

Chora, de olhos magoados,

Menina dos Aliados!...

 

(de Maria do Céu Figueiredo  Gomes, da página do leitor do JN de 26/04/2008)

 

  Saudações, antonio

 




Publicado por antonioduvidas às 09:00
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Domingo, 27 de Abril de 2008
Conhecer melhor a cidade do Porto V

Hoje foi dia de acompanhar o Dr. Hélder Pacheco em mais um dos Passeios da Primavera 2008, organizados pelo Departamento de Cultura da Câmara Municipal do Porto, concretamente «da Praça D. Pedro ao Palácio de Cristal». Clicando sobre as fotografias, podemos ver dois álbuns fotográficos que procuram registar esta visita de estudo. 

Saudações tripeiras do Francisco.


Sinto-me: Bem
Música: 'O primeiro dia' SÉRGIO GODINHO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 22:35
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Sexta-feira, 25 de Abril de 2008
ZECA AFONSO ... (sempre)

 
ZECA AFONSO SEMPRE!
 
Para ouvir as canções seleccionar em «Discografia» (coluna do meio) o que se pretende e na coluna da direita abaixo da capa do álbum aparecendo as canções ouve-se a que se quiser através do «dispositivo de som» (seta de «play»setas de selecção para trás e para a frente).
vejam e divulguem. merece a pena
 
http://delta02.blog.simplesnet.pt/



Publicado por prof às 23:57
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

O meu 25 de Abril de 1974

Onde estavas no 25 de Abril, é uma pergunta que é feita a este ou aquele político ou a "personas" sociais. Ora bem, não faço parte dessa gente com status mas aqui vai o meu contributo singelo.

Nessa madrugada estava já o coronel Carlos Azeredo vindo de Lamego a caminho do Porto com uma companhia de revolucionários e eu e dois amigalhaços estávamos a leste ali no jardim de Fernão de Magalhães, hoje Paulo Valada, num Fiat 124 a jogar uma lerpinha com música de fundo de Demis Rousses. Não era uma jogatina a feijões mas era como se fosse, uma maneira de passar o tempo.

No próprio dia senti ao vivo o desmoronar do regime. E como? Trabalhava ali a dois passos da Sede da PIDE/DGS( para os mais novos, Polícia de Investigação e Defesa do Estado/Direcção Geral de Segurança) do largo Soares dos Reis. E então vivi o cerco ao edifício por populares, o incendiamento de alguns carros dos agentes ali à beira na Rua António Granjo, a libertação de antifascistas e o aprisionamento dos PIDES que foram levados em camiões militares perante o gáudio dos populares. A coroar toda esta panóplia de acontecimentos assisto a vir à varanda do edifício, de frente para a Rua do Heroísmo, a EngªVirginia Moura,  o Coronel Carlos Azeredo e o Dr. Óscar Lopes anunciar a capitulação do regime naquela altura protagonizada pela rendição daquela força política.

Sinto-me pois um privilegiado aqui e agora poder contar o que os meus próprios olhos viram!

   Fiquem bem, antonio


Marcadores:

Publicado por antonioduvidas às 15:57
link do artigo | Comentar | Ver comentários (2) | Adicionar aos favoritos
|

Quinta-feira, 24 de Abril de 2008
24 de Abril de 1974

Esta é a última hora do dia 24 de Abril de 1974. Esta deve ser uma hora de grande azáfama, de grande nervosismo. Tudo está combinado. É a hora das senhas e das contra-senhas. Não há telemóveis para confirmar tudo. Há a televisão pública, com um canal único, a RTP. Há a rádio, com a Emissora Nacional, o Rádio Clube Português e pouco mais. E há os bufos, os informadores, os suportes do sistema, os abafadores das iniciativas. E há a angústia das famílias com os seus entes queridos no exílo ou nos colabouços destinados a presos políticos. E há o mal-estar generalizado das forças armadas obrigadas a abandonar o lar materno e a ir defender o solo pátrio. E há a revolta das mães que perdem filhos na guerra, o ódio das esposas que perdem maridos nas colónias ultramarinas, a raiva de quem recebia os aerogramas. Tudo isto se acumulou num crescendo de bola de neve para eclodir daqui a pouco. Para gritar bem alto: CHEGA!


Sinto-me: Ansioso que chegue a hora
Música: 'E depois do adeus' PAULO DE CARVALHO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 23:37
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Quarta-feira, 23 de Abril de 2008
Olhar a cidade

Uma das coisas que mais gosto é andar a vagabundear pelo Porto, terra de que me apropriei  embora a minha residência não seja nesta cidade. Se no passado pisava diariamente as pedras da calçada como se costuma dizer devido à actividade profissional, actualmente não há também dia nenhum em que não pise solo tripeiro. Andar pelas ruas estreitas, desertas, do centro histórico desviando-me aqui e ali de “polícias” canídeos ou passar na Avenida dos Aliados, sala de visitas da urbe, é o constatar de uma cidade que corre a duas velocidades.
Quando nos englobamos nas visitas que a CMP oferece aos seus munícipes, com a sabedoria de Helder Pacheco ou Júlio Couto, bebemos as transformações citadinas ao longo dos séculos e ficamos basbaques com o antes e o depois. As cidades estão numa viragem constante e aqui paro no tempo e em retrospectiva da minha vida, uma geração, noto como o Porto se transformou sobretudo nos actos sociais:
- os merceeiros que tinham os marçanos que iam de pedaleira levar as compras a casa dos clientes em autenticas acrobacias velocipédicas;
- os gravateiros que paravam ali junto à estação de S. Bento com toda aquela panóplia colorida pendurada à frente do peito;
- os ardinas que anunciavam o jornal e o crime de faca e alguidar que tinha acontecido no dia anterior;
- a bateria de engraxadores que existia na Rua Sampaio Bruno, a da imagem. Havia outra das minhas memórias na Rua de Santa Catarina. Ainda tenho no ouvido aquela chiadeira que o pano de flanela fazia quando o graxa o passava em cima dos sapatos;
- os carrejões, havia mais carrejonas, que levavam as malas ou outras mercadorias à cabeça. Fui um dos utentes destes serviços como já referi numa crónica;
- a madrugadora vendedeira do leite ao domicílio com os típicos canados;
- o castanheiro, com o aspecto rude que vinha lá do interior da terra da castanha, apregoava e vendia-as cozidas que transportava num saco de serapilheira a tiracolo, “quentes e boas!”;
- a senhora que vendia em Santa Catarina rebuçados “são da Régua”;
- E para finalizar em beleza, aquelas vendedeiras de raminhos de violeta tentavam a sua sorte em frente à igreja dos Congregados que num “markting” apurado tentavam os jovens na compra para oferta às namoradas.

 

Estas são algumas memórias de um tempo. Fiquem bem, antonio

PS: Ah, refiro também os amola-tesouras que ainda há por aí. Anunciavam-se com o xilofone característico e segundo a lenda era sinal de chuva quando apareciam. Na verdade também afiavam as facas. Sim, porque afiações de lápis, passe o eufemismo, havia mais no centro histórico, mas até aí com a desertificação nada já é como dantes. Deixando este trocadilho brejeiro recordo um amola-tesouras que parava junto à porta norte do Mercado do Bolhão. Tinha uma motorizada onde idealizou em engenhosa geringonça montando uma roda de esmeril e uma polie ligada ao motor da bicla. O antigo esforço de dar ao pedal era agora substituído por tecnologia de ponta!...

 



Marcadores:

Publicado por antonioduvidas às 20:49
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Terça-feira, 22 de Abril de 2008
37º aniversário de curso

É, realmente, uma felicidade pertencer ao Curso de 1969/1971 da Escola do Magistério Primário do Porto. É que este ano de 2008, lá estamos nós reunidos a comemorar mais um aniversário de curso, desta vez o 37º. Cá nos organizamos por zonas ou regiões, de forma a terminarmos cada encontro com a aceitação da Comissão Organizadora do encontro do ano seguinte. E este ano de 2008 a organização do evento é da inteira responsabilidade dos colegas de Vila Nova de Gaia. Prometo que vou dando mais notícias à medida que as for recebendo. Saudações bloguistas do Francisco.


Sinto-me: Bem
Música: 'Cantiga de amor' RÁDIO MACAU
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 23:42
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Domingo, 20 de Abril de 2008
Efemérides para esta semana

  

20 de Abril de 1985

Carlos Lopes estabelece, em Roterdão, a melhor marca mundial da maratona, batendo em 54 segundos o recorde que pertencia ao britânico Steve Jones.

21 de Abril

 

Dia do Café

- A lenda mais difundida sobre a origem do café conta que um jovem pastor da Abissínia (hoje Etiópia, na África) percebeu que as suas cabras ficavam agitadas depois de comerem algumas frutas vermelhas de certa árvore. Ele pegou algumas dessas frutas e preparou uma bebida. Depois de bebê-la, observou ter mais disposição para o trabalho.

 

21 de Abril de 1960

Inaugurada a cidade de Brasília, obra do arquitecto, Óscar Niemeyer, que passou a ser a capital do Brasil, e construída por Juscelino Kubitschek de Oliveira.

 

22 de Abril de 1500

Pedro Álvares Cabral chega ao continente sul-americano.

 

22 de Abril de 1640

Nasceu, em Beja, Mariana Alcoforado, religiosa no Convento da Conceição dessa cidade, dita autora das cartas ao cavaleiro francês Noel Bouton, Marquês de Chamilly, que na altura se encontrava com as suas tropas em Portugal, apoiando o país na Guerra da Restauração. Da janela do convento de Mértola e dessa troca de olhares nasceu um amor imediato e profundo, donde nasceram as “Cartas Portuguesas”.

 

22 de Abril de 1868

Nasceu em São Tomé e Príncipe o compositor e pianista português José Viana da Mota 

 

23 de Abril de 1835

Nasceu, em Coimbra, José Eduardo Coelho, jornalista e escritor, fundador do Diário de Notícias.

 

23 de Abril de 1936

Criado o “Campo de Concentração do Tarrafal”, em S. Nicolau,  Cabo Verde, com o Decreto-Lei 25539, após a reforma dos serviços prisionais. Por lá passaram muitos antifascistas portugueses, arbitrariamente presos e condenados. Os primeiros presos políticos chegaram a 29 de Outubro desse ano. Foi encerrado em 26/1/1954 e reaberto em 24/9/1966.

 

24 de Abril de 1360
Inês de Castro, depois de morta, foi coroada rainha por D. Pedro.

 

24 de Abril de 1898
Espanha declarou guerra aos EUA na sequência do ultimato norteamericano, que exigiu a retirada imediata dos espanhóis de Cuba.

 

25 de Abril de 1974
Dia da Liberdade – “Revolução do 25 de Abril”, que pôs fim ao Esatdo Novo e cujos objectivos eram: Democratizar, Desenvolver e Descolonizar

 

26 de Abril de 1916
Suicidou-se em Paris, no Hotel Nice, com estricnina o escritor Mário Sá- Carneiro.

 

26 de Abril de 1974
O major Vítor Alves, responsável político da comissão coordenadora do MFA, apresenta o programa do Movimento que contempla o fim da Guerra Colonial, o estabelecimento de um regime democrático e a garantia da liberdade.


26 de Abril de 1975

O PS é dado como vencedor das eleições para a Assembleia Constituinte com 116 deputados, o PPD garante 81 lugares no parlamento, o PC 30 e o CDS 16.


26 de Abril de 1986
Duas explosões num reactor da central nuclear de Chernobyl, Ucrânia, provocaram o mais grave acidente da história da energia nuclear.

 

 




Conhecer melhor a cidade do Porto IV

   Hoje foi dia de acompanhar o Dr. Júlio Couto em mais um dos Passeios da Primavera 2008, organizados pelo Departamento de Cultura da Câmara Municipal do Porto, concretamente «da Praça da Ribeira à Praça D. Pedro». Clicando sobre a fotografia, podemos ver um álbum fotográfico que procura registar esta visita de estudo. 

Saudações tripeiras do Francisco.


Sinto-me: Bem
Música: 'Chico Fininho' RUI VELOSO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 12:49
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Sábado, 19 de Abril de 2008
Recordações

Rádio Escolar

1 - Alguém me sabe dizer o que era?

2 - Alguém me ajuda a contextualizar a mesma?

3 - Alguém me ajuda a identificar o objectivo e a missão?

4 - Alguém quer dizer alguma coisa sobre isto?

Que bom que era eu ter novas vossas! Já repararam que não sei que mais argumentos hei-de utilizar para ter a vossa companhia?

Saudações bloguistas do Francisco.


Sinto-me: Saudosista
Música: 'Nunca me esqueci de ti' RUI VELOSO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 14:57
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Quinta-feira, 17 de Abril de 2008
Conhecer melhor a cidade do Porto III

Hoje foi o 3.º domingo de visitas de estudo. Não há, de facto, razões para não conhecer melhor a cidade do Porto. Ninguém tem desculpa para não aprofundar os seus conhecimentos sobre a cidade do Porto. Embora os Passeios JN com o historiador Germano Silva tenham acabado hoje, os Passeios da Câmara Municipal do Porto com o Dr. Hélder Pacheco ou com o Dr. Júlio Couto continuam. Basta clicar em cima das fotografias para visionar os registos fotográficos destas duas visitas de estudo. Saudações tripeiras do Francisco.

Saudações tripeiras do Francisco.

Sinto-me: Bem
Música: 'Venham mais cinco' JOSÉ AFONSO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 23:13
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Domingo, 13 de Abril de 2008
Peixe espada

 

Este é um dos peixes espadas que há por aí na cidade do Porto. Será que não aconteceu nada ao autarca que aprovou isto?

 

  (antonio)



Publicado por antonioduvidas às 19:40
link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

Sexta-feira, 11 de Abril de 2008
Conhecer melhor a cidade do Porto

Então no próximo domingo 13 de Abril é mais uma manhã a conhecer melhor a cidade do Porto. Enquanto uns acompanharão, como eu, o Sr. Germano Silva, outros farão companhia ao Dr. Hélder Pacheco e outros ainda ao Dr. Júlio Couto. Tudo nesta cidade do Porto. É ou não é verdade que só não conhece melhor a cidade do Porto quem não quer?

Saudações tripeiras do Francisco e boa visita de estudo para todos.


Sinto-me: Bem
Música: 'Porto sentido' RUI VELOSO
Marcadores:

Publicado por caminheiro1 às 23:55
link do artigo | Comentar | Ver comentários (4) | Adicionar aos favoritos
|

Quarta-feira, 9 de Abril de 2008
Pregar rasteiras

Rui Rio, presidente da CMPorto foi constituído arguido por um arrumador, era a notícia em caixa de hoje na imprensa e badalada nas televisões.

Bonito, bonito, sejamos perspicazes e pensemos quem estará por trás desta cilada. Quando R. Rio quis acabar com os arrumadores na cidade com um projecto houve quem se lhe opôs (do PS e não só) e há pouco tempo tirando-lhe até totalmente o tapete.

Não morro de amores por Rui Rio a partir das intervenções que fez na Av. dos Aliados, no entanto admiro a sua faceta de separar as águas entre a câmara e o FCP. Afinal até se vê pelos resultados que o futebol não precisava do ombro da câmara.

Eu estou-me nas tintas para as tricas partidárias ou outras, queria era ver esta questão dos arrumadores solucionada, agora que esta tramoia traz água no bico parece não haver dúvidas.

 

  (antonio)



Publicado por antonioduvidas às 18:27
link do artigo | Comentar | Ver comentários (6) | Adicionar aos favoritos
|

Terça-feira, 8 de Abril de 2008
Passeatas pelo Porto

Câmara Municipal do Porto

Jornal de Notícias

dmcultura@cm-porto.pt cultura@jn.pt

 

Aqui estão os 2 endereços que podem e devem usar para solicitar vos seja enviada informação sobre as visitas de estudo à cidade do Porto.

Saudações tripeiras do Francisco.



Publicado por caminheiro1 às 23:43
link do artigo | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
|

Este blog é dos autores que já aderiram, a saber:
Pesquisar neste blog
 
Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
14
15
16
17
18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


Artigos recentes

Passeios pelo Porto

1.º dia mundial da rádio

Quo vadis Portugal?

Guimarães, capital europe...

Pelo Jornal de Notícias

Quo vadis Portugal?

41.º encontro do curso

Finanças

Portugal, aos poucos, vai...

Cimeira

Passeio JN/FNAC de 27 de ...

Homenagem ao fado

Lançamento de livro

São Martinho

Entrega de prémios

Passeios pelo Porto

PPP = Parcerias Público P...

Estou revoltado.

Por favor, comentem.

Orgulho-me de ser paranhe...

Proclamação da República ...

Passeio JN/FNAC de 25 de ...

Quo vadis Portugal?

Passeios pelo Porto

Dia 24 de agosto

Violência em Londres

A cidade do Porto

O dia-a-dia

Efeméride

Dia da Amizade

Conhecer melhor a cidade ...

Conhecer melhor a cidade ...

Onde chegaste tu, Portuga...

Deprimente

Quem nos governou

Dia da mãe

Dia da Terra

Passeios pelo Porto

Tributo a Yuri Gagarin

Passeios pelo Porto

Rosa Albardeira - Baile P...

Passeios pelo Porto

Passeios pelo Porto

Dúvida

Dia do Pai

Homenagem

Passeios pelo Porto

Passeios pelo Porto

Desafio

A barragem do Tua

Arquivos

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Marcadores

1.º dia da rádio

24 de agosto

25 de abril

41.º encontro

5 de outubro

a "arma"

a escola já não é a mesma

A não perder

abril 2006

álcool

aliados

alimentação

almoço de 2005

aniversário

aniversários

antonio barreto

apelo

autores portugueses

avc

bibliotecas

boas vindas

bruxelas

capital cultura 2012

carnaval

cascatas

cidade

cinema

comboios

como participar no blog

comunicados

concurso fotografia

conhecer a cidade

consumidor

contrastes

conversas

crítica

Crítica

crónica de domingo

crónicas

cultura

debates

deprimente

desabafos

desafio

desafios e enigmas

desporto

destaques

dia da água

dia da amizade

dia da música

dia da poesia

dia do café

dia do consumidor

dia do não fumador

dia do pai

dia dos namorados

dia internacional da mulher

dia-a-dia

distinções

educação

Efeméride

efemérides

Efemérides

eleições

encontro 2007

encontro 2008

enganada

entrevistas

erros

espaço de pensamentos

estado de espírito

estou revoltado

europa

fado

feiras rurais

férias

Férias

finanças

fiscalidade

futebol

germano silva

guimaraes

lamentos

lembranças

lendo

livros

música

natal 2008

natal 2009

o porto a pé

passeios

porto

quo vadis portugal

quotidiano

república

são joão

são martinho

Subterrâneos

viagens

visitas guiadas

todas as tags

Ligações úteis
Participar

participe neste blog

mais comentados
Número de visitas
Site Counter
Bpath Counter
blogs SAPO
subscrever feeds